Postada em 09 de junho de 2017 às 08:23
Sindicato avança e piso salarial do enfermeiro é aprovado
 
Sineal
Comentar
Tamanho da letra
Foto: Divulgação
Após uma longa negociação entre o Sindicato dos Enfermeiros do Estado de Alagoas (Sineal) e o Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Alagoas (Sindhospital), mediados pelo procurador do Ministério Público do Trabalho (MPT), Rodrigo Alencar, finalmente a Convenção Coletiva dos trabalhadores foi aprovado e o piso salarial do enfermeiro avançou.

Durante a conciliação entre as partes, ficou acordado que o enfermeiro com jornada semanal de 36 horas, o piso salarial passa a ser R$ 1.900; já para aqueles com jornada de 40 horas passa a ser R$ 2.200.

Na ocasião convencionou-se ainda que os referidos pisos tenham aplicação a partir de janeiro de 2017. Tendo às partes conciliado, que o retroativo da recomposição, seja feito em seis parcelas mensais a partir dos salários de julho deste ano.

Foi concedido também que tanto o Sineal quanto o Sindhospital colecionem os autos da nova Convenção Coletiva de trabalho com os reajustes acordados até o dia 20 deste mês.

Representantes do Sineal lembraram que há duas datas bases em atraso – janeiro de 2016 e janeiro de 2017 –, e que, até o momento, o sindicato patronal não tinha apresentado nenhuma proposta para dar andamento à Convenção Coletiva dos profissionais.

Atualmente a jornada de trabalho pode chegar a 40 horas semanais. O Sindicato dos Enfermeiros (Sineal) solicitou a mediação do MPT para tentar resolver o impasse, após denunciar que os profissionais estão com duas datas bases de negociação salariais atrasadas.

Segundo o Sineal, a baixa remuneração dos enfermeiros é paga por hospitais e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) do interior, além de unidades hospitalares de pequeno porte da capital.

Estiveram presentes: o diretor do Sineal Rildo Bezerra, a advogada da entidade Cíntia Lopes, além do presidente do Sindhospital, Glauco Manso, e o advogado Erivaldo Cavalcanti Júnior. 
0Comentário
Deixe seu comentario
O seu comentário está sujeito a aprovaçao pela direção do portal.

Nome, E-mail e Telefone, são obrigatórios.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE


Todos os direitos reservados - 2013 - 2017 Lúmen Web Sites