Prefeitura marechal
busque por título

Polícia

al24hs

31/03/2020 às 09:29

IML confirma que bebê morreu após ser espancado no Jacintinho

O pai quer que a polícia investigue a versão apresentada pela ex-esposa com quem a criança vivia. 

(Créditos de imagem: Reprodução )

O Instituto de Medicinal Legal (IML) informou, na tarde desta segunda-feira, 30, que o resultado do exame de necropsia realizado em Maicon Douglas Félix de Lima, de 1 ano e 8 meses, aponta que houve hemorragia interna aguda por instrumento contundente provocado por espancamento. O corpo do bebê foi liberado hoje a tarde e deve ser sepultado ainda hoje.

Denúncia

O caso de Maicon ganhou repercussão depois que o médico, que o atendeu na UPA Dr. Ismar Gatto, no bairro do Jacintinho, acionou a Polícia, após perceber que havia hematomas no seu corpo.

Desconfiado que a criança tivesse sido vítima de espancamento e não de um acidente doméstico, o médico chamou a Polícia, conforme protocolo. A mãe de Maicon foi ouvida pela Delegacia de Homicídios da Capital (DHPP) e negou qualquer tipo de agressão ao filho.

Suspeitas

Havia uma hipótese de que a criança havia se machucado ao cair na cama. No entanto, em entrevista à TV Ponta Verde, a mãe da vítima, disse que desconfia de um adolescente de 12 anos a quem está dando abrigo. Ela disse que precisou sair de casa e deixou o adolescente com seu filho e quando retornou o encontrou naquele estado. 

O pai da criança, Luan Lima, desconfia do argumento da ex-esposa e disse que espera uma apuração rigorosa por parte da Polícia. Ele conta que foi informado sobre o acidente com o filho e ao chegar à UPA já o encontrou morto, com marcas na perna, nos lábios e no peito. “Que queda foi essa que deixou o menino daquele jeito”, questiona.
 

Deixe seu comentário

0 comentários