Prefeitura marechal
busque por título

Saúde na Escola

Sthefane Ferreira

15/08/2018 às 16:58

Prefeitura de Marechal Deodoro realiza avaliações para identificar alunos com problemas auditivos

É feito uma observação pelos professores, pais e profissional da saúde com os alunos. Os estudantes que forem identificados com alguma dificuldade na audição são encaminhados para as Unidades de Saúde 

(Créditos de imagem: Wellington Alves)

Com o intuito de identificar os alunos com algum tipo de problema auditivo, a Prefeitura de Marechal Deodoro, por meio do Programa de Saúde da Escola (PSE) está realizando uma Ação de Promoção a Saúde Auditiva nas escolas do município.

O desenvolvimento da audição, da fala e linguagem do aluno é observado por um profissional da Saúde, pelos pais e pelos professores. É feita a observação das reações da criança nos sons e ruídos da sua fala e linguagem, além da compreensão de ordens que permitem identificar os casos em que a avaliação especifica é recomendada.

Com a identificação realizada pelo professor na sala de aula por meio de observação, o enfermeiro realiza um questionário com os estudantes já identificados. Após a avaliação, se o aluno for detectado com algum tipo de dificuldade na audição, é encaminhado para um otorrinolaringologista, no Centro de Especialidades Estácio de Lima. Se após a avaliação, o aluno tiver pouco índice de problemas auditivos é encaminhado para a Unidade de Saúde mais próxima para realizar tratamentos de rotina com o Clínico Geral.

A ação é realizada em 18 escolas municipais e nos seis Núcleos de Educação Infantil (NEIs) de Marechal Deodoro. Além disso, os questionários feitos pelos enfermeiros são de acordo com a faixa etária de cada aluno.

De acordo com a Coordenadora do Programa de Saúde da Escola da Secretaria de Saúde, Isabelle Araújo, nas escolas que já receberam a ação, o índice de alunos identificados foi baixo.

“Nós já fomos em algumas escolas, e os resultados estão sendo muito baixos. Em algumas escolas nenhum aluno foi identificado, e em outras, apenas um ou dois estudantes. Na avaliação é feito uma observação no ouvido e algumas perguntas sobre o teste do ouvidinho. Essa ação, na verdade é uma parceria entre, os pais, profissionais da saúde e professores”, disse. 

Deixe seu comentário

0 comentários