Prefeitura marechal
busque por título

Marechal

iphan AL

19/06/2017 às 19:15

Largo da Igreja do Carmo é requalificado em Marechal Deodoro

 

(Créditos de imagem: asscom)

Tendo como prioridade zelar pelo Patrimônio Cultural Brasileiro, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) prima pela preservação dos monumentos protegidos e pelo desenvolvimento das cidades históricas, símbolos da cultura nacional. É nesse contexto que no próximo dia 23 de junho, às 9h30, o Iphan, em parceria com a Prefeitura Municipal de Marechal Deodoro (AL), fará a entrega do Largo da Igreja do Carmo, requalificado com recursos do PAC Cidades Históricas.

A solenidade de entrega contará com a presença da presidente do Iphan, Kátia Bogéa; o diretor do PAC Cidades Históricas, Robson de Almeida; o superintendente do Iphan-AL, Mário Aloisio; o governador de Alagoas, Renan Filho; o senador Renan Calheiros; o ministro do Turismo, Marx Beltrão; o ministro dos Transportes, Maurício Quintella; entre outras autoridades locais. Na mesma ocasião, também será feita a assinatura da ordem de serviço para o início das obras no Largo da Igreja Matriz, com previsão de investimentos de R$3,8 milhões, também pelo PAC Cidades Históricas.

Com projeto da Prefeitura e execução do Iphan, a obra de requalificação e urbanização do Largo do Carmo contou com recursos de cerca de R$2 milhões, investidos em ações como instalação de iluminação cênica, alargamento dos passeios para adequação à acessibilidade universal, implantação de paisagismo e de novos mobiliários urbanos. Além disso, a Administração Municipal também executou a recuperação de fachadas de edifícios ao redor do Largo, e um importante diálogo foi aberto com a comunidade local, que concordou com a remoção de invasões de áreas públicas.

Urbanização e qualidade de vida

O Largo do Conjunto do Carmo situa-se no centro histórico da cidade de Marechal Deodoro e possui uma área de cerca de 6 mil metros quadrados, tendo como ponto de referência as igrejas das Ordens Primeira e Terceira do Carmo, mas também cercado por diversas residências e pontos comerciais. Com a obra, ele foi totalmente requalificado, incluindo não apenas as questões estruturais e paisagísticas, mas também com a disponibilização de espaços de cultura, esporte, lazer e resgate das tradições religiosas históricas, como procissões e missas. Assim, a ação confirma a missão do PAC Cidades Históricas, em dinamizar e desenvolver as cidades por meio do Patrimônio Cultural.

O Programa é uma linha do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), dedicada exclusivamente aos sítios urbanos protegidos pelo Iphan, em um incentivo até então inédito nas políticas de preservação do Patrimônio Cultural no Brasil. O PAC Cidades Históricas está presente em 44 cidades de 20 estados, totalizando R$1,6 bilhão em investimentos para 424 ações em edifícios e espaços públicos de todo o país.

Em Alagoas, Marechal Deodoro e Penedo foram as duas cidades incluídas no Programa. Para Marechal, que foi a primeira capital do estado e possui um relevante conjunto arquitetônico e urbanístico protegido pelo Iphan, foram selecionadas oito ações, com um total de R$8,96 milhões previstos para serem investidos pelo governo federal, sendo que a requalificação do Largo do Carmo é a primeira delas a ser concluída. 

Deixe seu comentário

0 comentários