Prefeitura marechal
busque por título

Alagoas

Filipe Lima/al24hs

18/01/2018 às 11:17

Filha e genro são presos acusados de matar idoso por dinheiro de empréstimo

 

(Créditos de imagem: Ilustração)


Um casal foi preso nesta quarta-feira (17), no município de Taquarana, no Agreste do Estado, acusado de assassinar um idoso de 64 anos em novembro do ano passado. Os suspeitos foram identificados como José Ailton da Silva, de 32 anos e, Maria Cícera Martins, de 34 anos.

De acordo com a Delegacia de Taquarana, as investigações apontam a motivação do crime como financeira.

“O idoso teria pedido um empréstimo e o casal teria cometido o homicídio para ficar com o dinheiro em questão, além de alguns bens que os suspeitos teriam a intenção de vender” afirmou o plantonista à reportagem.

José Ailton negou a autoria do crime contra Otávio Cassimiro Martins, que era seu sogro e pai de Maria Cícera. “Com certeza que não foi eu de jeito nenhum, eu só quero Justiça. Nós recebemos uma ligação e fomos encontrar a polícia e chegando no local encontramos ele na entrada do lixão em Taquarana. Nunca tivemos uma discussão na vida, tem mais de sete anos”, afirmou.

Maria Cícera também negou a autoria do crime contra o seu próprio pai. “A gente não deve, nunca tive uma intriga com ele, falaram que tem um mês que ele fez um empréstimo para mim, eu levei as provas para Delegacia de Taquarana que já tem mais de ano do empréstimo que ele fez para cavar a cacimba e a casa dele”, disse.

De acordo com agentes da Polícia Civil da delegacia de Palmeira dos Índios – no Agreste de Alagoas – a vítima havia sido dada como desaparecida e seu corpo foi encontrado no lixão na cidade de Taquarana com um ferimento à bala na região da cabeça.

O casal está sob custódia da PC para a realização dos procedimentos necessários. José Ailton continua preso na Delegacia Regional de Palmeira dos Índios e Maria Cícera foi encaminhada ao Presídio Santa Luzia, em Maceió.

Deixe seu comentário

0 comentários